Meio Ambiente

A SECRETARIA

Compete a Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, planejar, implementar, executar e supervisionar projetos e programas de proteção ao ecossistema e de desenvolvimento da agricultura no Município, controlar a qualidade ambiental em seus limites territoriais e propiciar a prevenção a poluição do solo, da água, do ar, visual, sonora, a exploração irregular de veículos de divulgação, bem como, atuar no gerenciamento de resíduos sólidos e coordenação/orientação das atividades de poda e corte de árvores e arborização urbana do Município. Organizar e desenvolver programas de assistência técnica aos pequenos produtores, bem como a articulação com entidades e órgãos afins, públicos e privados, visando à captação de recursos para as atividades agropecuárias e fomento a agricultura familiar. Elaborar e executar estudos e projetos para subsidiar a Política Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento da Agricultura, bem como a execução da mesma. Propor a criação de áreas protegidas, e gerir as unidades de conservação no âmbito municipal, elaborando, coordenando e implementando os planos de manejo. Exercer a ação fiscalizadora e o poder de polícia administrativa para fazer cumprir normas; condicionar e restringir o uso dos bens, atividades e direitos, em benefício da preservação, conservação, defesa, melhoria, recuperação e controle do meio ambiente. Decidir sobre a concessão de licenças e a aplicação de penalidades na forma da legislação. Atuar de forma permanente na recuperação de áreas poluídas ou degradadas. Informar a população sobre a qualidade do meio ambiente, bem como os resultados dos monitoramentos e auditorias ambientais. Incentivar e executar a pesquisa, o desenvolvimento e a capacitação tecnológica e humana para a resolução dos problemas ambientais do Município. Emitir pareceres técnicos que subsidiarão a concessão de licenças ambientais. Promover a captação de recursos junto aos órgãos e entidades públicas e privadas e orientar a aplicação de recursos financeiros destinados ao desenvolvimento de todas as atividades relacionadas com a proteção, conservação, recuperação, pesquisa e melhoria do meio ambiente e da agricultura. Propor medidas para disciplinar a restrição a participação em concorrências públicas e ao acesso a benefícios fiscais e créditos oficiais as pessoas físicas e jurídicas condenadas por atos de degradação do meio ambiente, administrativa ou judicialmente. Promover medidas administrativas e tomar providências para que órgãos legitimados proponham medidas judiciais para coibir, punir e responsabilizar os causadores de poluição ou degradação ambiental. Promover e apoiar a educação ambiental e a conscientização pública, objetivando capacitar a sociedade para a participação ativa na preservação, conservação, recuperação e melhoria do meio ambiente. Realizar o planejamento e o zoneamento ambiental, considerando as características locais, e articular os respectivos planos, programas, projetos e ações de proteção dos ecossistemas locais e regionais. Exigir daquele que explorar ou utilizar recursos naturais à recuperação do meio ambiente degradado, conforme solução técnica determinada, na forma da lei, sem prejuízo das sanções cabíveis. Articular com as demais secretarias e órgãos da administração municipal, os planos, programas e projetos, de interesse ambiental, tendo em vista sua eficiente integração e coordenação, bem como a adoção de medidas pertinentes, especialmente as de caráter preventivo, no que diz respeito aos impactos dos fatores ambientais sobre a saúde pública. Coordenar e integrar as atividades ligadas a defesa do meio ambiente, promover a elaboração e o aperfeiçoamento das normas de proteção ao meio ambiente, incentivar o desenvolvimento de pesquisas e processos tecnológico destinados a reduzir a degradação da qualidade ambiental e estimular a realização de atividades educativas e a participação da comunidade no processo de preservação do meio ambiente. Promover a fiscalização, programas de conscientização para a preservação do meio ambiente, recuperação de mananciais, administração de parques públicos, entre outros. Promover a realização de programas de fomento à agropecuária e a agricultura familiar. Desenvolver e divulgar as potencialidades do Município a nível regional, estadual e federal, visando a atração de investimentos no campo agroindustrial e pecuário. Prestar assistência quanto a difusão de técnicas agrícolas e pastoris mais modernas, com recursos próprios ou mediante convênios ou acordos com órgãos estaduais e federais, aos agricultores e pecuaristas do Município. A execução dos planos de arborização em vias e logradouros públicos, bem como dos serviços de poda, plantio e conservação de espécies vegetais. Executar outras tarefas previstas em lei, correlatas ou as que lhe venham a ser atribuídas pelo Prefeito.

Endereço: Praça Martin Moreira, 142 – Centro – Brodowski – 14340-000
Fone: (16) 3664 9129
Email: secmeioambiente@brodowski.sp.gov.br

 

Secretário Municipal de Agricultura e Meio Ambiente

 

Rodrigo Cardozo Baggio

 

BIOGRAFIA

Graduado em Agronomia no Centro Universitário Moura Lacerda em 2017. Atuou na empresa Agrocultivar Fertilizantes e Insumos Agrícolas em 2016. Atuou na empresa Tracan Máq. e Sist. para Agricultura Ltda em 2017. Atuou na empresa Climate Field View (Monsanto/Bayer) em 2018. Atuou na empresa AGCO Massey Ferguson em 2019.

 

Secretário Adjunto de Agricultura e Meio Ambiente

 

Paulo de Tarso Soares de Godoi

 

BIOGRAFIA

Graduado em Biologia e Pós-Graduado em Gestão Ambiental, pelo Centro Universitário Claretiano de Batatais. Fez estágio na escola “EMEF Professora Nair Duarte do Páteo Franzoni” entre os anos de 2006 a 2008. Foi servidor público na Prefeitura de Brodowski, atuando na área da saúde entre os anos de 2009 a 2012.